Quarenta toneladas de alimentos Agroecológicos com garantia da qualidade orgânica produzidos em Viçosa-MG! 

Essa é a previsão da produção para 2021 indicada por levantamento realizado pela OCS Raízes da Mata.

Apesar da pandemia, a produção de alimentos orgânicos na OCS Raízes da Mata (Declaração MAPA nº OCS 003/MG) não pode parar e não para! Neste cenário, desde o final de 2020 se realizou o levantamento da produção e a previsão de produção de cinco famílias que hoje compõem a OCS. Além dessas cinco famílias, os agricultores familiares Gabi e Lucas, estão em processo de adequação para que no decorrer do próximo ano possam também fazer parte da OCS. 

Plantio de inhame, mandioca e girassol da Gabi e do Lucas – futura família da OCS Raízes da Mata (Foto: Eugênio Resende/Geninho)

O levantamento se iniciou no ano passado com a família da Edinha e do Gil e foram sendo realizados com as demais famílias, o processo foi concluído agora em janeiro de 2021. Além de identificar o que será produzido ao longo de 2021 pelas famílias, foram previstas também a quantidade e a época de produção de cada produto, já que alguns alimentos têm sua produção limitada a determinado período do ano, o que se chama de sazonalidade.  

Sr. Pedro e Dona Eva mostram a fartura de abóboras no início de 2021 (Foto: Eugênio Resende/Geninho)

Com os últimos levantamentos realizados conseguimos prever a produção de uma grande diversidade de produtos dessas cinco famílias em 2021. Foram mais de 90 diferentes produtos dentre verduras, legumes, frutas, PANCS, medicinais, aromáticas e minimamente processados, totalizando mais de 40 toneladas de alimentos orgânicos. São produtos saudáveis, de origem responsável e diretamente para a mesa d@s prosumidor@s, completando um ciclo de consumo sustentável e solidário. 

Definição dos produtos prioritários de cada família (Foto: Eugênio Resende/Geninho)

 É importante destacar que este grupo de famílias da OCS Raízes da Mata também compõe a construção do sistema participativo de garantia da qualidade orgânica na zona da mata de Minas Gerais, que devido a pandemia teve suas ações parcialmente paralisadas. 

Este levantamento da produção é uma obrigação anual de todas as famílias que possuem certificação orgânica, seja por OCS, SPG ou auditoria e já foi enviado ao Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento. Em breve as famílias, os agricultores e agricultoras receberão as suas declarações de conformidade orgânica emitidas pelo MAPA. 

Colaboração

Redação: Pedro Coelho

Informação: Eugênio Resende/Geninho

Revisão: Rodrigo Avelar e Eugênio Resende/Geninho

Deixe uma resposta